Life On Mars S1

41595.jpg

You’re nicked.

Quando se faz parte da bela colheita de 80, é difícil admitir que pode ter havido uma década melhor. Mas, raios, a julgar pela maravilha que é Life on Mars, bem apetecia ter vivido nos anos 70.

Tudo começa em 2006 com Sam Tyler (John Simms), inspector na polícia de Manchester, que está a ter um mau dia. Um assassino anda à solta pela cidade, e promete fazer da sua namorada a próxima vítima, a não ser que ele o consiga impedir. Infelizmente para Sam, não vai ter oportunidade de resolver o crime: ao ser atropelado, desperta para uma nova vida em 1973, onde é um simples agente da polícia, sob o comando do arrogante e grosseiro Inspector Gene Hunt (Philip Glenister).

Forçado a viver nesta nova realidade, Sam vai ter de aprender a trabalhar numa época politicamente incorrecta, onde predomina o sexismo e o racismo, onde a violência policial e a corrupção são o prato do dia, numa esquadra onde é difícil ver um palmo à frente do nariz graças ao fumo do tabaco e às pilhas de papéis com casos para resolver. Lidar com métodos policiais antiquados não é fácil, especialmente com os detectives Carling (Dean Andrews) e Skelton (Marshall Lancaster) constantemente a questionar os seus métodos, e nem a voz amiga da polícia Cartwright (Liz White) o consegue ajudar a aceitar a nova vida. Algo está mal nesta história: como é que Sam ali foi parar? Terá sido viagem no tempo? Estará louco? Ou será tudo isto um sonho provocado pelo coma depois do acidente? Como é que Sam conseguirá voltar ao presente? E será que ele quer?

Viajar no tempo é um tema já batido nas séries de televisão, mas nunca uma viagem no tempo pareceu tão real. Num grande tributo às séries policias dos anos 70 ao estilo de Starksy and Hutch e The Sweeney (onde foi buscar as expressões mais caricatas), Life on Mars consegue apresentar uma reconstituição fiel dos anos 70, onde não faltam as calças à boca de sino e os coletes de camurça, os carros “cool” e a música excelente. Mas o melhor da série, aquilo que por muito que tentem nunca conseguirão fazer na tal falada (e cancelada?) versão americana, é reproduzir este ambiente tipicamente inglês, com as suas maravilhosas expressões e situações caricatas. Os diálogos do Inspector Hunt são imperdíveis, e as suas discussões com Sam brilhantes, mas é sem dúvida aquele sotaque de Manchester que dá um colorido diferente à série.

Ao longo destes primeiro oito episódios Sam teve tempo de dar umas lições sobre trabalho forense aos colegas incrédulos, apanhar assassinos em série e comuns ladrões, receber algumas lições sobre como lidar com jornalistas e reencontrar a família perdida. Mas o mistério da sua situação permanece, e um dia Sam vai ter de escolher entre abraçar esta realidade ou admitir que é tudo imaginação sua. A segunda temporada promete esclarecer todas estas dúvidas, e trazer-nos mais bons momentos dos anos 70, sempre ao som de David Bowie, é claro.

Advertisements

4 thoughts on “Life On Mars S1

  1. Syrin,

    O Life on Mars que estreou esta semana, nos States, é um remake desta?

    E, já que revelas um bom gosto enorme, o que achas do Life? Será que já viste? É que vendo as críticas no TVDependente, fiquei com vontade de começar a ver (mais) esta…

  2. Sim, Paulo, a versão que estreou nos EUA este mês é um remake da versão britânica.
    Recomendo imensamente a versão britânica. Já a americana não sei… não tenho coragem de ver.

    Life nunca vi. Mas os comentários também me deixaram curiosa. Não fosse o problema de ter dezenas de séries para ver… :s

  3. Opsss, só agora é que acabei de ler o teu artigo. Tá lá explicado:) Remake americano!

    O Life que eu perguntava é aquela série policial, agora no 2º ano…

  4. Sim, sim… eu sei qual é. Nunca lhe peguei, porque é mais uma série policial, e desse tipo há às centenas. Mas as críticas até têm sido boas, por isso… quem sabe!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s